Ads Top

‘Sem coveiro no cemitério de Ibitira, família é obrigada a pagar R$200 para sepultar seus entes queridos', denuncia morador





Moradores do Distrito de Ibitira, município de Rio do Antônio, chateados com a situação que segue na administração DECA PRA MUDAR, procuraram o Portal Malhada Acontece nesta manhã de segunda-feira (13), relatando que quando falece um ente querido naquela localidade, familiares estão tendo que pagar em torno de R$ 200 a uma pessoa para cavar a sepultura ou os próprios estão tendo que fazer o serviço por conta própria.
De acordo com a denuncia, o município já possui há vários anos uma coveira concursada para tal serviço e a mesma segue sem exercer a sua função. “É muito dolorido. É muita falta de responsabilidade da atual gestão, porque em um cemitério deste tamanho tem que ter um coveiro recebendo os trabalhos. Por isso foi concursada”, reclama um morador.
Sem alternativas e já que o poder público municipal parece não está nem ai com a situação, populares mais uma vez resolveram denunciar tal descaso. “Fomos obrigados a fazer isso para ver se o prefeito toma vergonha e acorda para a vida, porque já basta a situação do sofrimento pela morte, ainda temos que enfrentar esse transtorno. Isso é um descaso muito grande para conosco…Fico muito triste como cidadão. Para isso pagamos os impostos e temos o direito ter um coveiro”, desabafa.
Por telefone tentamos contato com a prefeitura para obter informações sobre o que será feito para sanar este problemas uma vez que no município já existem um funcionário concursado, mas até o fechamento desta edição não obtivemos êxito. Caso a prefeitura queria falar sobre o assunto, o espaço fica aberto. 





Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.