Ads Top

Vacina contra coronavírus, estimada para setembro, começa a ser testada


O Reino Unido começa nesta quinta-feira (23) a testar em humanos uma vacina contra o novo coronavírus. Desenvolvida por pesquisadores da Universidade de Oxford, a vacina terá apoio do governo britânico, que concederá 20 milhões de euros, e também do Imperial College, que concederá mais 22,5 milhões de euros.
A meta dos pesquisadores da Universidade de Oxford é produzir milhões de doses da vacina contra o novo coronavírus no mês de setembro deste ano, considerando que tudo saia como esperado nos testes.
Animado com a possibilidade de o país ser o primeiro a criar uma vacina contra o novo coronavírus, o secretário de saúde do Reino Unido, Matt Hancock, afirmou que o governo investirá na fabricação de vacinas e que elas estarão disponíveis para a população do país assim que possível, considerando que os testes deem certo.
A pesquisa sobre a nova vacina contra a doença chamada covid-19, causada pelo novo coronavírus, começou em fevereiro neste ano. Apenas dois meses mais tarde, ela já foi aprovada para testes em humanos. Os participantes do estudo clínico terão entre 18 e 55 anos de idade.

Fonte: Exame



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.