Rui Costa diz que não irá reduzir ICMS dos combustíveis na Bahia


O governador da Bahia, Rui Costa (PT), afirmou nesta segunda-feira (27) que não irá reduzir a cobrança do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre os combustíveis, como tem sido feito por outros governadores no Brasil.

Em coletiva, Rui afirmou que a alta dos preços é provocada por questões políticas e de produção, disse que o tributo é fundamental para manter as contas do governo em dias e que não haverá redução.

Ao responder sobre o assunto, ele citou o caso do Rio Grande do Sul que anunciou há duas semanas a diminuição do valor do imposto.

“Não sou dado a demagogia. Não contem comigo para fazer isso. Nós temos 30 mil homens na Polícia Militar, cerca de 6 mil na Polícia Civil, temos médicos, enfermeiros e essas pessoas querem receber seus salários em dia. A sociedade pede, e eu acabei de anunciar, mais policiais. Como fazer isso tudo se você reduzir demagogicamente a receita? A conta não fecha. O Rio Grande do Sul até recentemente estava com os salários atrasados, nem 13º tinha pago. Minas só conseguiu regularizar há dois meses. Não vou ser irresponsável para ganhar simpatia popular”, afirmou. As informações são do Portal Toda Bahia




As atitudes de prevenção contra a covid 19 também são gestos de solidariedade. Ao sair de casa pense nos profissionais que se dedicam para lhe oferecer os melhores serviços!


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.